Modernização Técnica

Modernização Técnica

Qual o momento de modernizar o elevador?

 

Uma das melhores formas de reconhecer o momento de fazer a Modernização no elevador é observar as necessidades no dia a dia do condomínio:

 

  • Qual a idade do seu elevador? (a tecnologia evoluiu muito nos últimos 20 anos)
  • O elevador apresenta paralisações constantes e/ou necessita trocar peças frequentemente?
  • O usuário ao entrar ou sair da cabina percebe a existência de desnivelamento “degrau” entre o piso do pavimento e a soleira do elevador?
  • No percurso de viagem do elevador é comum ocorrência de trancos e ruídos?
  • O consumo de energia do elevador está elevado? (avaliar pelos registros na conta de luz do condomínio)

 

O serviço de Modernização Técnica da AUSTRAL oferece aos clientes soluções para atualizar a tecnologia operacional do elevador prolongando a vida útil do equipamento.

 

Com o apoio de uma Equipe de Engenharia especializada, é possível adaptar e instalar novos produtos proporcionando melhores níveis de Segurança, Economia, Conforto e Performance.

 

SEGURANÇA

 

Com a Modernização, o condomínio mantém os elevadores atualizados tecnologicamente, proporcionando aos usuários ainda mais segurança a cada viagem e ganhando mais tranquilidade na administração do dia a dia.
Também contribui para que os equipamentos instalados atendam e acompanhem as atualizações das normas técnicas e as determinações legais para que os elevadores proporcionem aos passageiros viagens cada vez mais seguras.

 

ECONOMIA

 

A Modernização tecnológica dos elevadores significa, por exemplo, máquinas de tração mais eficientes, quadros de comando mais inteligentes na distribuição das cabinas a cada chamada feita pelos passageiros e tetos com iluminação a LED, itens que podem gerar uma economia de energia elétrica que chega a até 30% em relação aos equipamentos antigos.

 

CONFORTO

 

A Modernização elimina ruídos, trancos e degraus entre o piso dos elevadores e os pavimentos do condomínio, proporcionando viagens muito mais silenciosas e confortáveis aos passageiros.

 

PERFORMANCE

 

Com a Modernização, é possível substituir sistemas mecânicos por eletroeletrônicos, o que melhora o desempenho do equipamento e diminui a frequência de trocas de peças, permitindo maior disponibilidade dos elevadores e viagens muito mais rápidas e suaves.

 

 

 

1. Máquina de Tração

Constitui o elemento motriz do elevador, responsável pela movimentação de subida / descida da cabina. Os projetos atuais das máquinas de tração apresentam tecnologia mais moderna, utilizando-se de novos materiais e processos de fabricação que objetivam aumentar a confiabilidade, a segurança e a vida útil do equipamento.

 

2. Display de Sobrepor

São os indicadores de posição localizados acima das portas de pavimento. Apresentam modelos “faciados” ou de “sobrepor”, confeccionados em acrílico ou aço inox . Conferem modernidade ao conjunto do elevador e auxiliam usuários através de um sinalização sonora ou visual, indicando a direção e o deslocamento da cabina.

 

3. Botoeira de Cabina

A modernização técnca/estética do “painel de operação”, possibilita melhor identificação visual aos usuários, contribuindo para aumentar a segurança e funcionalidade da sinalização, valorizando consideravelmente o ambiente interno da Cabina. Apresentam modelos “faciados” ou de “sobrepor”, confeccionadas em aço inox e de fácil instalação.

 

4. Botoeiras de Pavimento

Com a modernização técnica/estética das botoeiras de pavimento, aperfeiçoamos o nível de informação aos usuários, possibilitando maior segurança e funcionalidade da sinalização , valorizando consideravelmente o ambiente externo em cada pavimento. Apresentam modelos “faciados” ou de “sobrepor”, confeccionadas em aço inox e de fácil instalação.

 

5. Limites Finais de Curso

Constituem-se em dispositivos eletromecânicos de segurança localizados nas extremidades (inferior / superior) da Caixa e Corrida do elevador. Atuam com o objetivo de desacelerar, parar ou desligar o equipamento caso a Cabina venha a atingir esses níveis de posição em seu deslocamento pela Caixa de Corrida. São confeccionados com material isolante, blindados, em substituição aos de metal que se danificam mais facilmente com as intempéries do ambiente.

 

6. Quadro de Comando Computadorizado

Constituem o “cérebro do elevador”, responsável pelo gerenciamento e lógica operacional de todos os registros do elevador.

Os modernos QC s são microprocessados, possibilitando inúmeras vantagens quando comparados aos obsoletos quadros eletromecânicos (à relê):

– Economizam até 40% de energia

– Maior conforto e suavidade nas viagens;

– Desacelerações suaves e paradas niveladas independentemente da carga.

 

7. Operador de Porta de Cabina

Constituem na principal interface de segurança para o ingresso / saída de passageiros e usuários ao interior da Cabina. São sistemas totalmente automatizados e eficientes, substituindo os antigos sistemas mecânicos dotados de correntes (ruidosas) e bombas hidráulicas. A atualização tecnológica desse sistema permite a operação com “abertura e fechamento” das portas mais silenciosa e precisa, possibilitando maior segurança aos passageiros e usuários.

 

8. Sensores e imãs

Constituem nos sinalizadores de posição do elevador, atuam representando os “olhos” da Cabina em deslocamento pela Caixa de Corrida, informando em tempo real ao QC a localização da mesma. São elementos instalados sobre a cabina, substituindo os sistemas mais antigos como por exemplo, fita, mola pick-up, carrinho de seletor, etc..

 

9. Cabos de Comando e Fiação de Poço

Constituem na interface de comunicação entre o QC localizado na Casa de Máquinas e a Cabina. São os elementos responsáveis pela distribuição de registros de comando e alimentação do elevador – As fiações fixas e móveis percorrem a extensão da Caixa de Corrida e são substituídas para evitar curto-circuitos, rompimentos pelo “desgaste” com o tempo, incêndios, etc.

 

10. Caixa de Inspeção no Poço e Cabina

Constituem em elementos de segurança para manobra segura do elevador por profissionais devidamente habilitados. São confeccionadas em material isolante, sendo instalados sobre a Cabina e no Poço do elevador, com a finalidade de “desligar” e “manobrar” o elevador durante os serviços de manutenção preventiva, resgate de passageiros ou situações emergenciais.

 

 
 

Solicite um orçamento. Entre em contato!

Preencha o formulário abaixo: